Fortune Gems

Fortune Gems - Iochpe Maxion (MYPK3) lucra R$ 59,4 milhões no segundo trimestre, queda anual de 68,8%

Companhia divulgou seus números trimestrais nesta noite de quarta-feira (9)

Felipe Moreira

Publicidade

A Iochpe Maxion (MYPK3) registrou baixa de 68,8% no lucro líquido no segundo trimestre de 2023 em relação a igual período do ano passado, saindo de R$ 190,5 milhões para R$ 59,4 milhões.

O lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado foi de R$ 363,4 milhões, queda anual de 32%. Isso levou a uma queda da margem Ebitda ajustada de 3,2 p.p. (pontos percentuais), para 9,6%.

Saiba mais:

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Confira o calendário de resultados do 2º trimestre de 2023 da Bolsa brasileira

O que esperar da temporada de resultados do 2º trimestre? Confira ações e setores para ficar de olho

A receita líquida somou R$ 3,801 bilhões no segundo trimestre deste ano, uma contração de 9,3% na comparação com igual etapa de 2022.

Continua depois da publicidade

Segundo a Iochpe Maxion, a receita foi impactada negativamente pela queda de produção de veículos comerciais no Brasil, devido a mudança da motorização do euro 5 para o euro 6, e pela redução de preços de venda, em função da redução dos custos das matérias-primas.

O lucro bruto atingiu a cifra de R$ 424,7 milhões no segundo trimestre de 2023, uma redução de 20,6% na comparação com igual etapa de 2022.

As despesas operacionais somaram R$ 192,9 milhões no 2T23, um crescimento de 6,2% em relação ao mesmo período de 2022.

O resultado financeiro líquido foi negativo em R$ 122,4 milhões no segundo trimestre de 2023, uma elevação de 8,9% sobre as perdas financeiras da mesma etapa de 2022.

Investimentos e dívida

Os investimentos atingiram R$ 99,2 milhões no 2T23 e R$ 190,5 milhões no 1S23, uma redução de 24,9% em relação ao 2T22 e 21,4% em relação ao 1S22. “Os principais investimentos no período foram relacionados ao aumento de capacidade para atendimento da demanda do segmento de veículos comerciais na América do Norte e construção da fábrica de rodas de alumínio para veículos comerciais na Europa”, diz relatório.

Em 30 de junho de 2023, a dívida líquida da companhia era de R$ 3,546 bilhões, um recuo de 18,1% na comparação com a mesma etapa de 2022.

O indicador de alavancagem financeira, medido pela dívida líquida/Ebitda ajustado, ficou em 2,72 vezes em junho/23, alta de 0,51 p.p. em relação ao mesmo período de 2022.

Fortune Gems Mapa do site