Fortune Gems

Fortune Gems - Triplica número de FIIs negociados acima do preço justo, mas 74% ainda oferecem descontos; confira lista

Em junho, 85% dos fundos imobiliários do Ifix apresentavam algum nível de desconto; FIIs já negociam hoje com ágio de até 10%

Wellington Carvalho

Publicidade

O mercado de fundos imobiliários acumula quatro meses seguidos de ganhos e acumula alta de aproximadamente 15% desde abril. Diante do desempenho, praticamente triplicou o número de FIIs que passaram a ser negociados acima do valor patrimonial – espécie de valor justo da carteira.

No final de março, ou seja, antes do rali do mercado, apenas 10 fundos imobiliários apresentavam um P/VPA (preço sobre valor patrimonial) acima de 1 – que indica o preço justo do ativo. Acima deste nível, o FII é negociado com ágio e, abaixo deste patamar, com desconto.

Atualmente, este número aumentou para 29%, conforme apontam dados da Economatica, plataforma de informações financeiras. O levantamento toma como base apenas os FIIs que compõem o Ifix – índice dos fundos mais negociados na Bolsa – e desconsideram as carteiras com retorno negativo nos últimos 12 meses.

Oferta Exclusiva

CDB 150% do CDI

Invista no CDB 150% do CDI da XP e ganhe um presente exclusivo do Fortune Gems

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

De acordo com o estudo, o FII de shopping XP Malls (XPML11) é o que negocia com o maior ágio dado o seu P/VPA de 1,10 – o que representaria um acréscimo de 10% sobre o valor considerado justo. Confira a lista completa.

TickerFundoSegmentoP/VPA Retorno em 12 meses (%)
XPML11XP MallsShoppings1,1018,23
ALZR11Alianza Trust RendaLogística1,1015,06
TRXF11TRX Real EstateRenda Urbana1,0620,24
HGLG11CSHG LogísticaLogística1,053,99
HGRU11CSHG Renda UrbanaRenda Urbana1,0517,51
BTLG11BTG Pactual LogísticaLogística1,0410,70
GGRC11GGR Covepi RendaLogística1,0419,01
TGAR11TG Ativo RealDesenvolvimento1,0415,08
VISC11Vinci Shopping CentersShoppings1,0320,49
XPLG11XP LogLogística1,0321,36

Fonte: Economatica

Analistas ponderam que o P/VPA é apenas um dos indicadores que devem ser levados em consideração na hora de escolher um fundo imobiliário. Fatores como a localização dos imóveis, níveis de ocupação, inadimplência, mercado de locação, histórico de receitas e gestão devem fazer parte da análise, recomendam.

Continua depois da publicidade

74% dos FIIs ainda negociam abaixo do valor patrimonial

Apesar do aumento no número de FIIs negociados acima do preço considerado justo, 74% das carteiras presentes no Ifix ainda apresentam algum nível de desconto.

Em junho, quando o índice dos fundos imobiliários acumulava dois meses de ganhos, o percentual estava em 85%. Na oportunidade, o segmento de lajes corporativas era o mais descontado.

Desconsiderando os fundos com retorno negativo nos últimos 12 meses, os descontos oferecidos pelos FIIs chegam a 33%, como é o caso do BTG Pactual Corporate Office Fund (BRCR11) – cujo P/VPA está em 0,67. Confira os 10 mais descontados do mercado.

TickerFundoSegmentoP/VPA Retorno em 12 meses (%)
BRCR11Bc FundHíbrido0,6712,54
JSRE11JS Real EstateHíbrido0,683,06
RCRB11Rio Bravo Renda CorporativaLajes Corporativas0,7215,72
PATL11Pátria LogísticaLogística0,775,98
AIEC11Autonomy EdifíciosLajes Corporativas0,775,85
XPIN11XP IndustrialLogística0,8014,75
VINO11Vinci OfficesLajes Corporativas0,855,92
QAGR11Quasar AgroAgro0,8619,95
LGCP11LOGCP InterLogística0,8723,95
BTAL11BTG Pactual AgroAgro0,886,24

Fonte: Economatica

Por que os FIIs estão descontados?

Os fundos imobiliários sofreram nos últimos anos com as restrições impostas pela pandemia da Covid-19, especialmente os segmentos de shopping e escritório – que perderam receita com a redução na circulação de pessoas.

A atratividade desta classe ativo também foi prejudicada pelo ciclo de alta da taxa básica de juros, a Selic, que subiu de 2% no início de 2021 para 13,75% ao ano – patamar mantido até o início deste mês.

Quanto mais elevado o indicador, mais rentável se torna a renda fixa, que atrai investidores da renda variável – inclusive dos FIIs. O movimento colaborou com a desvalorização das cotas dos fundos, especialmente os de “tijolo” – que investem diretamente em imóveis.

Diante do cenário, muitos fundos tiveram de reduzir dividendos, perderam valor na Bolsa e, até hoje, a maior parte deles ainda negocia abaixo do valor patrimonial.

Newsletter

Liga de FIIs

Receba em primeira mão notícias exclusivas sobre fundos imobiliários

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Wellington Carvalho

Repórter de fundos imobiliários do Fortune Gems. Acompanha as principais informações que influenciam no desempenho dos FIIs e do índice Ifix.

Fortune Gems Mapa do site